Bom humor e alegria com óleo de linhaça!

Share on facebook
Share on twitter

Sentir-se indisposto de vez em quando é normal. Aquela tristeza que, por vezes, não sabemos muito bem de onde vem e que passa no dia seguinte não é motivo para preocupação. Porém, quando o baixo-astral domina nossa mente e corpo, impedindo-nos de realizar as atividades mais corriqueiras, o melhor a se fazer é procurar um especialista, pois esse pode ser um sintoma da depressão, uma doença que pode afetar pessoas de todas as idades e que se caracteriza pela perda do prazer nas atividades diárias, além de alterações cognitivas, psicomotoras e sociais.

Porém, a boa notícia é que a depressão pode ser tratada de maneira simples e 100% natural: alimentos ricos em ômega 3, como a linhaça, funcionam como antidepressivos naturais. “”Quando ingerimos a linhaça, ocorre uma ação em nosso organismo que melhora a função cerebral, podendo auxiliar diversos tipos de tratamentos, entre eles a depressão””, explica Larissa Marin, nutricionista da Vital Âtman.

E, além de poder tratar doenças como a depressão, a linhaça pode ser um ótimo método preventivo contra essa e outras doenças. ““Uma alimentação equilibrada, rica em nutrientes essenciais à saúde, como o ômega 3, presente na linhaça,  pode trazer muitos benefícios a todo o corpo””, afirma Larissa.

 

Deixe um comentário

Deixe aqui seu e-mail pra receber conteúdos incríveis sobre qualidade de vida.

CATEGORIAS
Share on facebook
Share on twitter

VEJA TAMBÉM

Cinco maneiras naturais de baixar a pressão arterial

Imagine que existe um inimigo invisível que só dá sintomas quando está em estágio avançado. Várias doenças apresentam esse perfil e uma delas é a hipertensão arterial.

Popularmente conhecida como “pressão alta” essa doença não escolhe idade, classe social, profissão nem sexo.

Mas o que é a “pressão alta”? É um número relacionado à força que o sangue faz nas artérias para circular em todo o corpo. Quando este número é igual ou maior que 14 por 9 (140mmHg X 90mmHg) a pessoa é considerada hipertensa.

Ômega 3 pode ajudar crianças com TDAH

Saiba mais sobre o TDHA e como o ômega 3 pode auxiliar no tratamento
Crianças saudáveis adoram brincar, pular, correr e participar de muitas atividades.

Isso é muito saudável, mas às vezes a energia da criança é tanta, que ela mal consegue prestar atenção nas aulas.

Uma das causas pode ser o TDHA, Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade, distúrbio que atinge cerca de 11% de crianças e jovens de 4 a 17 anos e que pode ser diagnosticado por médicos.

A boa notícia vem da revista “Neuropsychopharmacology.” Após uma análise os pesquisadores descobriram que o uso de uma substância natural, o ácido graxo ômega 3, pode ajudar a combater os sintomas deste transtorno.