Quais são as marcas de ômega 3 recomendadas?

Com tanta oferta de ômega 3 no mercado é difícil saber em qual marca confiar. Mas existem alguns itens fundamentais para que um ômega 3 possa ser considerado de boa qualidade. Antes de comprar, verifique as informações do rótulo e procure por empresas idôneas. Veja algumas características principais de um bom ômega 3:
Share on facebook
Share on twitter

Com tanta oferta de ômega 3 no mercado é difícil saber em qual marca confiar. Mas existem alguns itens fundamentais para que um ômega 3 possa ser considerado de boa qualidade.

Antes de comprar, verifique as informações do rótulo e procure por empresas idôneas.

Veja algumas características principais de um bom ômega 3:

1 – Altas concentrações de EPA e DHA: 

As cápsulas da Vital Âtman têm as maiores concentrações de ômega 3 do mercado. Apenas para se ter uma ideia, cada 1g de Vital Fish contém 640 mg de ômega 3 por cápsula e 440 de DHA e 840 EPA que correspondem a 1.280 mg de ômega 3 por porção de 2g ao dia.

Uma boa dica é o suplemento “Lin Fish 33/22” da Vital Âtman, que possui os três tipos de ômega 3 encontrados na natureza: EPA, DHA e ALA. É indicado para pessoas que necessitam de doses mais elevadas de ômega-3, pois ajuda no tratamento de enfermidades relacionadas à deficiência deste nutriente.

2 – Vitamina E:

É essencial para a preservação do produto. A Vitamina E atua como antioxidante, o que mantém a qualidade do óleo. Além disso, esta vitamina é um excelente antioxidante natural, que faz bem para a sua saúde e para a melhor durabilidade dos ácidos graxos! Mais uma vez, olho no rótulo!

3 – Prensado a frio:

Nos suplementos que contém ALA (ômega 3 de origem vegetal), certifique-se que ele foi obtido pelo método prensado a frio.  É o único método de extração de óleos vegetais capaz de garantir a integridade funcional de um óleo 100% puro, que oferece os benefícios das matérias primas ricas em ômegas.

É por isso que todas os óleos vegetais da Vital Âtman são extraídos através deste processo!

A Vital Âtman é pioneira nesta técnica de extração a frio de óleos naturais no Brasil, produzindo, desde 1998, óleos 100% puros, sem adicionar nenhum composto químico.

4 – Livre de metais tóxicos:

Infelizmente bilhões de toneladas de lixo tóxico são jogados, todos os anos, nos oceanos. Entre eles estão alguns metais pesados como arsênico, chumbo, cádmio, mercúrio e alumínio, que podem entrar em nossa cadeia alimentar através do consumo de peixes e seus derivados.

Isso se torna ainda mais preocupante uma vez que o corpo humano é incapaz de produzir metais pesados, tampouco processá-los após tê-los absorvido. Ou seja, conforme vamos adquirindo esses metais, eles vão se acumulando no nosso organismo e começam a comprometer especialmente o nosso metabolismo, atrapalhando diversas reações enzimáticas que são importantíssimas para nossa saúde e bem-estar.

Os produtos da Vital Âtman, que garante isenção de metais pesados em toda a sua linha de óleos.

CONCLUSÃO:

Então, antes de comprar seu ômega 3 fique atento!

– Desconfie de produtos com preços muito abaixo do mercado: geralmente eles contêm uma quantidade insuficiente de EPA e DHA, (abaixo do recomendado para suas necessidades) e podem não ser isentos de metais tóxicos;

– Verifique se a vitamina E está presente na composição do produto. Ela atua como antioxidante, o que mantém a qualidade do óleo;

– Se o suplemento for de origem animal, tenha a certeza de que o óleo de peixe seja livre de metais tóxicos;

– Observe se o produto possui garantia de pureza;

– Busque por uma empresa idônea, responsável e transparente;

– Na hora da compra e consumo, siga sempre as orientações do seu médico ou nutricionista.

2 comentários em “Quais são as marcas de ômega 3 recomendadas?”

Deixe um comentário

Deixe aqui seu e-mail pra receber conteúdos incríveis sobre qualidade de vida.

CATEGORIAS
Share on facebook
Share on twitter

VEJA TAMBÉM

Os alimentos mais poderosos

Fonte: revistavivasaude.uol.com.br Todo alimento, especialmente o na tu ral (frutas, legumes, verduras, sementes), oferece ao menos um nutriente essencial ao bom funcionamento do organismo, seja uma

Os benefícios do óleo de abóbora no tratamento da infeção urinária

Predominante entre pacientes adultos e do sexo feminino, a infecção sintomática do trato urinário é a segunda infecção mais comum na população em geral. Por ser tão recorrente assim, neste texto, abordaremos como a abóbora e, especificamente, o seu óleo, pode contribuir no tratamento desta doença que causa desconforto